Azores Adventures – Futurismo

Voltar à tabela de conteúdos

Ilha de Santa Maria

Esta ilha dourada estende-se sob o sol, com águas cristalinas e praias de açúcar branco que adicionam uma aura serena a todo o cenário pitoresco.

Rico em patrimônio e de uma miríade de atrações, quer procure paz, privacidade ou aventura, este é o lugar perfeito para desfrutar momentos de relaxamento.

Sobre Ilha de Santa Maria

Santa Maria também conhecida como a ilha Amarela ou ilha do Sol. Graças à sua localização geográfica, esta é a ilha mais quente e seca do arquipélago! Em Santa Maria vivem cerca de 5.600 pessoas numa área total de 97 km2. É a terceira ilha mais pequena dos Açores e é também a mais próxima de São Miguel. Está localizada mais a sul e, em conjunto com a ilha vizinha, compõem o Grupo Oriental. Apenas três horas de barco desde Ponta Delgada ou cerca de 15 minutos de avião, ligam as duas ilhas. Há voos durante todo o ano e barcos na época alta.

Como a ilha é pequena, é possível visitá-la em poucos dias. Se quer evitar as multidões e aproveitar o sol, deitar-se em praias de areia branca, este é definitivamente o local perfeito. Santa Maria caracteriza-se sobretudo pelo verde das suas montanhas, o amarelo das suas praias e o azul do Oceano a perder de vista.

Ver mais Ver menos

Geografia

Santa Maria é a ilha mais antiga dos Açores e é também a mais próxima de São Miguel. Está localizada mais a sul e, em conjunto com a ilha vizinha, compõem o Grupo Oriental. Apenas três horas de Ponta Delgada de barco ou cerca de 15 minutos de avião, ligam as duas ilhas. Há voos durante todo o ano e barcos na época alta.

Santa Maria é a ilha mais oriental de todas e devido à sua posição geográfica, o clima é bastante diferente das restantes ilhas. Também chamada de ilha Amarela, Santa Maria é a ilha mais tropical, oferecendo um clima mais ensolarado durante todo o ano.

A ilha tem cerca de 16 km na horizontal e 9 km na vertical. O ponto mais alto da ilha é o Pico Alto, com 587m acima do nível do mar.

 

História

Santa Maria foi a primeira ilha dos Açores a ser descoberta por exploradores portugueses entre 1427 e 1431. Graças a esta descoberta, foi possível descobrir todas as outras mais tarde. Foi em 1439 que começaram a povoar a ilha com algarvios e alentejanos. Vila do Porto foi o primeiro local a ser reconhecido como freguesia no arquipélago.

Em 1493, no regresso da grande descoberta da América, o navegador Cristóvão Colombo fez uma paragem em Santa Maria. Durante dois séculos, esta ilha foi saqueada por corsários ingleses, franceses e árabes. Em 1616, Santa Maria foi ocupada pelos mouros durante uma semana, e anos mais tarde, em 1675 voltariam para fazer dos habitantes locais prisioneiros e depois vendê-los como escravos.

O século XX trouxe a construção do aeroporto. Santa Maria seria então considerada um grande ponto estratégico para os Estados Unidos para a Segunda Guerra Mundial. Terminada a guerra, o aeroporto tornou-se um forte ponto de passagem para a travessia do Atlântico.

 

Economia

Os ilhéus cultivavam plantas que lhes permitiam tingir tecidos, a mais famosa é a Isatis Tinctoria, que quando usada em tinturaria libertava uma forte cor azul. Outra fonte de riqueza é o trigo, que sempre foi parte significativa da nossa alimentação. Além disso, a extração de argila era muito importante para a economia local. Foi usada para produção de loiça e ladrilhos.

Os séculos XVIII e XIX foram marcados pela economia do vinho, trigo, milho, frutas, batata e inhame, a par da pecuária e dos laticínios. A baleação esteve presente em todas as ilhas dos Açores e, em Santa Maria a atividade baleeira chegou em 1896. A vigia da baleia da Ponta do Castelo é praticamente a única estrutura recuperada.

Durante muito tempo, e ainda hoje, muito artesanato é feito na ilha de Santa Maria. Da cerâmica às toalhas e camisas de linho, às camisolas ou colchas de lã, os artesãos locais criam peças únicas na Cooperativa de Artesanato de Santa Maria.

Hoje em dia, os serviços são uma grande fonte de riqueza em Santa Maria, seguidos da agricultura e da pesca.

 

Cultura e festividades

Santa Maria é também muito famosa pelos seus acolhedores e incríveis festivais como, Santa Maria Blues e Maré de Agosto representando artistas regionais e internacionais. É muito visitada por açorianos e residentes de outras ilhas, principalmente na primavera e verão. Ambos estão perto da praia, por isso são razões mais do que suficientes para uma escapadinha perfeita com sol e música.

Assim como nas outras ilhas, Santa Maria festeja as Festas do Espírito Santo, a partir de abril até ao verão. Há também o Rally Além Mar Santa Maria, famoso entre os amantes de carros desportivos. E em agosto, a Festa religiosa da Nossa Senhora da Assunção é ideal para famílias. Vila do Porto oferece atividades, música ao vivo, artesanato e gastronomia local.

Para saber mais sobre o lado cultural de Santa Maria, existe um museu numa casa típica de Santo Espírito. Lá, pode ver uma coleção de cerâmica e exposições temporárias.

 

Natureza e Geologia

Cada ilha dos Açores tem o seu encanto! Santa Maria é especial tanto pela paisagem, como pelas suas praias únicas de areia branca, pelo Deserto Vermelho e pela simpatia dos marienses. Santa Maria é a ilha mais antiga, com seis milhões de anos, e também com formações geológicas mais antigas. Outra das características especiais, é que Santa Maria é a única ilha dos Açores onde existem rochas sedimentares com registo de fósseis marinhos muito diversificados, como por exemplo, ossos de baleia, conchas, algas ou dentes de tubarão. Podem ser vistos na exposição do Centro de Interpretação Ambiental de Dalberto Pombo.

As arribas verdejantes que protegem as zonas balneares têm um valioso registo da história geológica da ilha com diferentes tipos de rochas sedimentares e vulcânicas. Nas rochas da arriba da Prainha está uma importante jazida de fósseis marinhos com 2,5 milhões de anos.

Graças à sua localização, é a ilha mais quente e seca dos Açores, com menos precipitação. Há por isso uma maior aridez do terreno e a vegetação é amarelada. Por esse motivo, também é chamada de ilha do sol. As praias são muito famosas, idílicas, com águas cristalinas e localizadas em baías paradisíacas. Pela sua diversa biodiversidade, a Baía de São Lourenço foi classificada como Reserva Natural em 1987.

O Barreiro da Faneca ou a Ribeira do Maloás são dois geossítios prioritários de Santa Maria e de uma beleza incrível a não perder! O Barreiro da Faneca é também conhecido como “deserto vermelho dos Açores”. É no fundo uma área árida, argilosa e de cor vermelha intensa fruto de uma antiga escoada lávica basáltica.

A Ribeira do Maloás é uma queda de água num extenso afloramento de colunas basálticas com 15 e 20m de altura e uma extensão de cerca de 220m. Esta imponente formação geológica é também conhecida por “Calçada do Gigante” pela semelhança que tem com a estrutura vulcânica mundialmente famosa da Irlanda. Nos Açores, esta é sem dúvida uma das paisagens mais belas.

Experiências

Apesar da ilha ser pequena, existem muitas aventuras ao ar livre para experimentar e incríveis sítios naturais para explorar.

Santa Maria é conhecida pelo mergulho graças à sua bela costa e rica fauna marinha. Na verdade, não é raro encontrar mantas e tubarões-baleia perto da ilha. Muitos habitantes locais adoram pescar e fazer caça submarina.

Também é a ilha perfeita para relaxar numa praia quente como a Praia Formosa e explorar as águas com máscara e tubo de snorkel. As inúmeras praias como a da Baía de São Lourenço e as piscinas naturais como a da Maia, convidam-no a relaxar e a respirar a maresia, uma verdadeira sensação de férias.

Também nos desportos aquáticos, descubra o surf e o windsurf nas águas cristalinas. Faça um passeio de barco para explorar a encosta e vários ilhéus. Esta é a ilha do sol, mas também do mar!

Muitas pessoas também experimentam parapente em Santa Maria ou espeleologia. Existem várias grutas naturais como a Furna de Santana e a Furna Velha, mas também grutas artificiais como a Gruta do Figueiral.

 

Gastronomia

Chamamos a atenção para o maravilhoso fruto de Santa Maria. As sumarentas e doces meloas de Santa Maria são deliciosas e as características únicas da ilha do Sol conferem-lhe um sabor sem igual que, só de lembrar, faz crescer água na boca! Tem de provar a meloa de Santa Maria durante o verão!

Um dos pratos mais simbólicos da ilha é o Caldo de Nabos, feito com uma espécie de nabo local, batata doce e carne de porco. Comido com pão, é um excelente almoço.

Para doces, Santa Maria tem de tudo. Não deixe de provar pelo menos um destes: tigeladas, cavacas, suspiros, melindres e os famosos Biscoitos de Orelha.

Os locais também adoram a Alheira de Santa Maria. É bem conhecida entre os portugueses.

Apesar de não fazer parte das principais culturas vitivinícolas, existem algumas famílias que produzem o seu próprio Vinho de Cheiro, o vinho local, para consumo próprio. Os licores de fruta e as aguardentes locais também gozam de grande fama.

HIGHLIGHTS DE SANTA MARIA

  • Património histórico-cultural

    Sabia que as casas típicas de arquitetura popular de Santa Maria resultam de influências alentejanas e algarvias? São bem diferentes da arquitetura das restantes ilhas.

  • Únicas Praias de Areia Branca

    Inúmeras enseadas, ilhéus, praias de areia branca e falésias majestosas compõem a imponente ilha.

  • Piscinas naturais celestiais

    Aqui encontra uma variedade de piscinas maravilhosas à volta da ilha para aproveitar as temperaturas amenas.

  • Tours Ilha de Santa Maria nos Açores

    Pontos Turísticos em Ilha de Santa Maria

    Atrações a não perderIlha de Santa Maria

    Reviews O que pensam sobre nós

    Back to the navigation

    Subscreva a Nossa Newsletter

    para receber as nossas Novidades e Ofertas

    Temos protocolos rígidos contra a Covid-19. Verifique-os aqui.
    Última Hora
    • Tripadvisor Travelers’ Choice Award Winner :

      Pelo 9º ano consecutivo, a Futurismo foi distinguida como uma das “10% Melhores Atrações do Mundo”